Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Visão geral autárquica

por Virgilio Alves, em 06.10.08

Rio Nabão   Foi no feriado do dia 5 de Outubro que no ponto único da ordem de trabalhos da reunião dos militantes socialistas na sede da comissão concelhia do PS de Tomar o arquitecto Becerra Vitorino foi eleito cabeça de lista para as próximas eleições autárquicas. Com este anúncio são já duas as forças políticas a definirem os seus candidatos, isto tendo em consideração o avanço de Pedro Marques na força Independentes por Tomar, indo mais além ao referir que os Independentes querem apresentar listas em todas as freguesias do concelho.


   Por outro lado, falta saber quem serão os candidato da CDU, do BE e do PSD e ainda se o CDS-PP irá apresentar candidaturas em Tomar, mesmo não tendo praticamente representatividade alguma em terras nabantinas.


   Fazendo já uma breve e muito inconclusiva análise, parece neste momento ser os Independentes a força política com mais probabilidade de derrotarem o PSD, isto devendo-se aos erros do PSD e ao facto de não se assistir a um crescimento notório do índice de popularidade do PS o qual as recentes trocas de acusações entre Pedro Marques e Luís Ferreira obviamente terem um impacto mais negativos para o PS. O descontentamento pela política camarária da Câmara Municipal de Tomar deverá ser canalizado em grande medida para os Independentes e uma parte observando, a tendência nacional, ser distribuída à esquerda do PS isto é na CDU e BE.


   Assim posto o momento actual, e sendo a política muito volátil, o PSD sai muito fragilizado, mal governação e incapacidade de transparecer informação foram os pecados do PSD e a saída de António Paiva não favorece, o PS pelas razões acima descritas não deverá alcançar a vitória isto num momento onde o desgaste do governo de Sócrates vai se repercutir nas autárquicas, ganha com a situação Pedro Marques ajudado pelo impulsionamento do seu nome nos jornais graças a Luís Ferreira e CDU e BE deverão também ter alguns aumentos de votação, ainda assim insuficientes devido à concentração destas três forças, PSD, IpT e PS, resta ainda no caso da CDU, saber o desfecho do caso da freguesia de Carregueiros e da situação de José Serra, militante do PCP, mas sem o apoio da Comissão Concelhia do PCP, provavelmente irá ser reeleito desta vez como independente ingressado noutra lista. Faltando saber se Custódio Ferreira se candidata novamente à junta de freguesia de Paialvo.


   As restantes juntas, não se deverá assistir a grandes alterações mesmo com o fenómeno IpT a ser transposto para as freguesias.


 


   Contudo, até ao acto eleitoral muita tinta ainda será escrita e muita água "tentará" passar pelo rio!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:57


1 comentário

De sandro sousa a 04.08.2009 às 20:02

ola!
mas olhe que eu deixei à pouco tempo a concelhia e sei bem como aquilo funciona desde que o jorge ferreira é o responsavel do partido em tomar. Não disse que os apoiantes sao tachistas, mas quem tenta ficar com o poder no partido; que quando conseguem os objectivos, saltam para voos mais altos. Quanto ás igualdades que o comunismo tanto apregoa, não a vejo na lei do financiamento partidário... É só quado lhes dá jeito.
abraço de um comunista desmotivado!

Comentar post




calendário

Outubro 2008

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031



Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2006
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D